O que fazer para aumentar o limite de seu cartão de crédito.

Se você tem um cartão de crédito mas não esta satisfeito com o limite que ele te oferece, aprenda neste texto a aumentar o limite do cartão de crédito.

Um cartão de crédito em mãos pode ser de grande ajuda, principalmente para a compra de bens mais caros e mais duráveis, como moveis e eletrodomésticos. Porém as vezes o limite do cartão de crédito não é suficiente para comprar uma maquina de lavar  que tanto se deseja, ou uma televisão de tela grande com a qual se sonha, ou mesmo trocar o jogo de quarto que está precisando se aposentar. A primeira coisa que precisamos explicar é que, embora pouca gente saiba,  quando se compra a prazo no cartão de crédito não é só a parcela do mês que fica bloqueada no total do limite, e sim o valor total da compra, o limite vai sendo liberado a partir do primeiro pagamento, aos poucos.
O limite do cartão é o valor máximo que o dono do cartão pode gastar, quando este é excedido, o cartão fica bloqueado. Em alguns casos é possivel usar o limite de emergência, onde o valor excedido em poucos reais será coberto, porém com alta taxa cobrada na próxima fatura.
Sendo assim, o que se deve fazer  para aumentar seu limite no cartão de crédito?

Apresentando um novo comprovante de renda:

A maioria dos cartões de crédito oferecem entre 30% e 70% do valor total da renda  do cliente, porém alguns cartões de crédito são feitos sem a exigência de um comprovante de renda, como acontece em muitos dos cartões  feitos em lojas e hipermercados.
Se você não apresentou um comprovante de renda no momento de pedir o cartão, pode procurar a financeira responsável pelo cartão, pessoalmente ou através da internet, e apresentar seus comprovantes de renda. Caso você não seja uma pessoa que trabalha com registro em carteira, pode apresentar o extrato de sua conta corrente, a declaração de imposto de renda do ultimo ano e até mesmo boletos pagos de prestações de carro ou casa.





cartão de crédito

Atualize seus dados:

Se existem novas fontes de dinheiro que possam compor uma renda maior como rendas extras, dinheiro que vem de aluguéis, pensões recebidas, bônus conquistados ou mesmo ajuda de custo.
 Informe também se houve aquisição de imóveis, automóveis ou outros bens que demonstrem sua capacidade de pagar.
 Se você possui diferentes comprovantes de renda, como um valor recebido no seu holerite e outro depositado em sua conta corrente (devido a horas extras ou algum bônus de comissão) apresente o comprovante que mais te favorecer e que demonstre maior capacidade de pagamento.

Efetue os pagamentos inteiros e em dia:

Não tem jeito, se você precisa aumentar o limite de seu cartão  é preciso organizar sua vida financeira de modo a não atrasar os pagamentos da fatura do cartão.
Também é preciso pagar o valor cheio pois isso mostra a financeira que você tem condição de "sustentar" seu cartão de crédito facilmente, em oposição, se você paga o minimo da fatura ou atrasa os pagamentos, ou ainda renegocia as dividas por não dar conta de pagar esta demonstrando que não tem condições de lidar nem com o limite que já tem, é melhor se organizar antes de fazer o pedido de aumento de limite.

Não utilize o crédito rotativo:

Além de não pagar o valor mínimo, o usuário que deseja aumentar o limite de seu cartão de crédito deve evitar gastar além do limite estabelecido, se possível gaste a menos.
Se você costuma  estourar o limite do cartão, ainda que pague corretamente os juros altos cobrados na próxima fatura, pode ter dificuldades para  pedir o aumento do limite pois o histórico pode ficar prejudicado. Da mesma forma, se seu cartão de crédito é vinculado a sua conta em um banco, evite entrar no cheque especial pois isso pode fazer com que o banco entenda que você esta tendo dificuldades para administrar seu orçamento e o pedido de aumento do limite do cartão provavelmente vai ser negado.

Faça o pedido de aumento pessoalmente:

Embora a opção de pedir aumento de limite de cartão esteja disponível através da internet e telefone na maioria das operadoras de crédito, a melhor coisa a fazer para quem está planejando aumentar o limite é ir pessoalmente até a instituição financeira. O Ideal é ser direto com o gerente responsável por seu crédito, negociar de maneira calma porém firme e reforçar as garantias de pagamento que você pode oferecer por um limite maior.
É importante  que você exponha os porquês de sua necessidade de um limite maior e discuta o valor ideal para um novo limite.

Mantenha suas contas em dia:

Apesar de parecer que não existe nenhuma relação, manter suas outras contas além das relacionadas ao cartão e ao banco em dia pode ajudar a aumentar seu limite no cartão.
Isso porque muitas financeiras realizam pesquisa em órgãos de proteção ao crédito antes de aumentar seu limite e caso você tenha sido negativado, nos últimos meses, mesmo que a conta já tenha sido paga pode prejudicar o aumento de limite.

Peça a união de todos os seus limites para o cartão de crédito:

Se seu cartão de crédito é atrelado a sua conta bancaria e você possui outras linhas de crédito como cheque especial, limite de emergência, CDC (crédito direto ao consumidor) e outras linhas de crédito a curto prazo, entre outros benefícios oferecidos pelo banco, é possível conversar com seu gerente de contas e pedir que os limites destas outras linhas de crédito seja adicionado ao cartão de crédito, alguns bancos inclusive  conseguem transferir o limite de empréstimo do CDC para compras a prazo realizadas no cartão de crédito para que o limite não seja comprometido.

Use o cartão de crédito sempre:

Embora seja exatamente o oposto da primeira regra de quem quer economizar, quem deseja ampliar o limite do cartão deve utilizá-lo em praticamente todas as suas despesas cotidianas.
 Sempre que possivel, prefira pagar no crédito que no debito ou em dinheiro, até chegar próximo a seu limite. Isso demonstra para a administradora que seu limite não esta adequado a seu padrão de consumo.
Claro que é importante pagar a fatura em dia e não ultrapassar o limite são ações essenciais para mostrar a financeira que você não só precisa de um limite maior como também pode pagar por ele. 
Só prefira pagar a vista quando a loja em questão oferecer um bom desconto por isso.

Se não houver sucesso, pergunte o porque:

Pergunte  na administradora do cartão de maneira  clara e objetiva o porque do pedido ser recusado, muitas vezes a instituição não divulga este tipo de informação para clientes mas é preciso saber o motivo da rejeição, mesmo que seja necessário investigar por conta própria pois podem haver dividas ou pendencias antigas que você desconhece mas estão prejudicando seu crédito no mercado.
Pode ter acontecido que um cheque predatado passado por você tenha sido entregue a terceiros e apresentado antes da data e por isso  declarados sem fundo sem que você soubesse, também pode haver um protesto em cartório ou ação judicial que você desconheça. A participação em uma empresa que declarou falência ou uma divida considerada liquidada também podem ser a razão de uma recusa no aumento do limite e é importante que se conheça os motivos de assim ser.

Procure outra financeira:

Por lei, nenhum banco ou financeira é obrigado a fornecer um cartão de crédito a um cliente, também não existe regularização quanto a concessão de crédito extra a um cliente já estabelecido. por isso se mesmo com todas as condições a seu favos, sua administradora continua a se recusar a aumentar seu limite de crédito, simplesmente leve a documentação que comprove que você pode arcar com um limite maior para outro banco ou financeira e faça um novo cartão de crédito.