Como ganhar dinheiro vendendo brigadeiros.

Brigadeiro é um dos doces mais tradicionais do Brasil, quase todo mundo adora o docinho e tem boas lembranças dos aniversários infantis. Este é um doce feito por muitas pessoas em casa mesmo, para comer de colher em tardes de chuva e muitas mulheres, quando estão em casa usam o doce pra aliviar a irritação causada pela TPM.
Para quem procura uma opção de renda extra ou uma nova fonte de renda depois da perda de um emprego fixo, vender brigadeiros pode ser uma boa opção.
Neste artigo veremos:
  • Como fazer brigadeiro.
  • Custo total da receita.
  • Como calcular o preço de venda.
  • Onde vender.
  • Como vender mais.

Como ganhar dinheiro vendendo brigadeiros:

Há três possibilidades de ganhar dinheiro vendendo brigadeiros, a primeira é comprando o doce já feito e enrolado de uma doceira que conheça e apenas vendendo após colocar em uma embalagem legal, a segunda é comprar o doce já pronto na lata ou balde de alguma marca e apenas enrolando e colocando na embalagem, e a terceira é fazer o brigadeiro desde o inicio.
Ao comprar brigadeiros já prontos de uma doceira, seu lucro pode ser menor, no entanto você emprenhará menor tempo para fazer o produto e pode se dedicar  mais a venda do doce, vendendo mais e ganhando na quantidade.
Se decidir utilizar doces prontos na lata ou balde, corre o risco de comprar uma marca mais em conta e não agradar seu cliente, doce de lata tem gosto característico, comum de produtos que contêm conservantes e ainda que sejam da melhor marca, existem pessoas que não gostam muito.
O brigadeiro feito em casa, se feito com bons ingredientes é a melhor opção, porém exige algum gosto pela cozinha, já que existem pessoas capazes de queimar até macarrão instantâneo e não queremos ter qualquer perda de matéria prima. 
Quanto mais sua receita render, mais unidades você vai vender e mais dinheiro vai ganhar.

Como fazer brigadeiro:

Todo mundo tem sua receita de brigadeiro tradicional favorita que faz aos fins de semana, para usar de cobertura num bolo da tarde ou para comer de colher. Abaixo vamos apresentar uma receita básica de brigadeiro, você pode incrementá-la ou modificá-la conforme preferir ou achar que seus clientes vão gostar mais.

Ingredientes:
  • 1 lata de leite condensado de boa qualidade, evite produtos como "Mistura láctea condensada" ainda que seja muito mais barata, lembre-se que o que você quer é que seus clientes comam, voltem a comprar e recomendem.
  • 1 colher de sopa de manteiga sem sal.
  • 1/2 lata de leite integral.
  • 3 colheres de sopa de chocolate em pó. Achocolatados podem ser muito doces e deixar a receita muito açucarada.
  • 1 pitada de sal
  • 2 xícaras de chá de confeitos (granulado, confeitos coloridos, confeitos de chocolate, etc.) depende de seu público, tradicionalmente se coloca chocolate granulado mas procure usar um de boa qualidade.
Modo de preparo:

Antes de começar, separe um refratário ou prato de vidro e unte com manteiga e reserve.
Coloque o leite na panela, peneire o chocolate  em pó na panela para não ficar pelotas, leve ao fogo até que o chocolate esteja completamente dissolvido, acrescente o leite condensado, a manteiga e o sal e misture bem.
Quando começar a levantar fervura, mecha sem parar por aproximadamente 15 minutos. Se, ao passar a colher no fundo da panela, abrir um caminho que deixe ver o  fundo, já está pronto.
Retire o brigadeiro da panela e coloque no recipiente untado anteriormente, reserve para deixar esfriar, pode por na geladeira ou freezer se preferir.
Separe as forminhas numa mesa, coloque o granulado ou confeitos em uma vasilha e reserve.
Como a intenção é fazer para vender, é interessante utilizar uma balança, para que as porções saiam iguais, se não tiver, use sempre  colheres do mesmo modelo e tente pegar a mesma  quantidade.
Passe um pouco de manteiga na mão e enrole o brigadeiro, passe no granulado e coloque nas forminhas.
Essa receita rende aproximadamente entre 15 e 20 unidades de um brigadeiro médio,  um pouco maior que o tipo "festa".

Custo total da receita:

Ao calcular seu custo, é preciso considerar todos os seus gastos, inclusive embalagens, energia elétrica e gás de cozinha.
Vou utilizar como base para o calculo o preço médio dos ingredientes.
  • Leite condensado, aproximadamente R$ 3,70
  • Manteiga, aproximadamente R$ 15,00 com 500g, em cada receita de brigadeiro você usa em média 25 g de manteiga, cerca de R$ 0,75
  • Leite, cerca de R$ 2,00 o litro, nessa receita se utiliza 100 ml, aproximadamente R$ 0,20
  • Chocolate em pó, aproximadamente R$ 9,00 em 200g, são utilizadas 30g para fazer uma leva de brigadeiros, cerca de R$ 1,35
  • Granulado, aproximadamente R$ 10,00 por  um pacote de 500g, embalagens maiores podem sair mais em conta. Em uma receita se usa aproximadamente 100 gramas, gastando cerca de R$ 2,00, mas você pode optar por ralar uma barra de chocolate no ralo fino.
  • Calcular o custo o gás e um pouco mais complicado, é preciso olhar o manual do fogão para saber qual o gasto  de gás do queimador por hora. Geralmente o gasto em média é de 0,225kg por hora, o brigadeiro fica pronto em aproximadamente 25 minutos, ou seja, 0,094kg de gás gastos nesse tempo, em minha cidade o botijão de 13 quilos cheio custa aproximadamente R$ 82,00. Fazendo uma regra de 3 , se multiplica 0,094 Kg por 82 reais e divide por 13 kg, o custo dos 25 minutos de fogo é de cerca de R$ 0,60 para fazer uma receita.
  • Energia elétrica  consumida se a lampada ficar acesa durante o preparo do brigadeiro e o enrolar e embalar dos doces, cerca de 1 hora e meia, depende da lâmpada utilizada, uma lampada de LED pode gastar até  R$ 0,09  por hora que fica ligada, já uma lâmpada incandescente pode gastar até R$ 0,90 no mesmo período.
  • Embalagens têm custo variável pois depende do local e público para o qual vai vender. Blister  de plástico, por exemplo, podem custar R$ 21,00 100 unidades, para 20 doces sai por R$ 4,20. Já formas de papel colorido, do tipo mais tradicional, custam R$ 1,70 em 100 unidades, saindo  R$ 0,34 para 20 doces, ou seja uma receita,  e formas de papel estruturado de 4 pétalas, coloridas, do tipo que se usa em brigadeiros "gourmet" custam R$ 68,00 em 1000 forminhas, em 20 forminhas se tem o custo de R$ 1,37.
  • Saquinhos de celofane, em 100 unidades você paga aproximadamente R$ 4,00 em 20 são aproximadamente R$ R$ 0,80 e fitilhos que custam aproximadamente R$ 1,70 por 50 metros, em 20 unidades não se gasta nem 1 metro, custando cerca de R$ 0,04.
Neste caso, o custo mais alto que você terá para fazer uma receita que rende aproximadamente 20 brigadeiros é de R$ 12,50, mas você sempre pode procurar mercados atacadistas e reduzir seus custos. Neste caso, seu custo por brigadeiro, já com embalagem é de cerca de R$ 0,65.

Como calcular o preço de venda:

Já sabemos que cada brigadeiro vai te custar R$ 0,65 já com a embalagem.
Esse é o custo dos produtos materiais gastos para fazer uma receita de brigadeiro, mas não se esqueça de cobrar também pelo seu tempo, já que as horas gastas na confecção do doce  poderiam ser usadas para fazer alguma outra coisa.
Seu preço também vai depender de uma série de fatores, como qual é o seu público alvo e onde pretende vender.
Se você pretender vender em pontos de ônibus, precisa comprar um preço compatível com o seu público, se vai vender para restaurantes e lanchonetes, talvez precise cobrar um preço mais baixo e ganhar na quantidade, se vai vender em porta de colégio ou faculdade seu preço tem que acompanhar o poder aquisitivo do seu público, se vai pegar grandes encomendas pode cobrar mais barato por unidade e se vai vender na porta de bares e baladas, pode cobrar um pouco mais pois é um público geralmente disposto a gastar e brigadeiros  são produtos em escassez  nestes ambientes.

O seu preço mínimo não deve ser menor que o dobro de seu custo por unidade pois se for você pode desanimar, achando que ganha muito pouco para as horas de trabalho que passa, pois além de todo o tempo de preparo do produto, você ainda gasta tempo na hora de vender os doces, valorize seu trabalho.

Onde vender:

Existem muitas opções de locais onde você pode vender seus brigadeiros, comprados ou feitos por você.
Uma opção, é vender em pontos de ônibus ou locais de grande circulação de pessoas, como porta de grandes empresas, faculdades, colégios, estações de trem e grandes centros comerciais. O Horário também pode influenciar pois em certos lugares, suas vendas aumentam se você trabalhar pela manhã, ou na hora do almoço.
Em regiões em que existem baladas e bares, região boêmia, doces serão um produto bastante caro na casa, seus doces serão bem vindos pois podem ajudar alguém a melhorar depois de exagerar um pouco na bebida.
Também é possível oferecer seus doces em lanchonetes e restaurantes, tanto para venda em consignação quanto para os clientes que estiverem desfrutando de uma boa refeição.
Se tiver disposição para andar, oferecer seus brigadeiros nas lojas, para os vendedores, pode ser uma boa opção.
Venda seus doces em rodoviárias, a pessoa está indo viajar, quase todos ansiosos e muitas vezes com fome, você pode fazer boas vendas.

Como vender mais:

Use produtos de qualidade, faça seus brigadeiros bem caprichados e utilize embalagens bonitas para começar.
Aproveite as redes sociais suas e de seus amigos e parentes para divulgar seus brigadeiros, assim você pode conseguir encomendas tanto para festas quanto para pessoas que planejam revender pois também querer ganhar renda extra.
Teste novos sabores, apesar do tradicional ser o mais conhecido e o melhor aceito, coloque uma pequena quantidade com outras coberturas ou sabores diferentes para aumentar as vendas por clientes, alguns deles podem levar um de cada.
Se puder invista em uma vasilha plástica com tampa transparente, ou em uma bolsa térmica para  levar seus doces para vender. uma boa acomodação e apresentação é muito importante.
Divulgue seus doces para eventos de escolas, clubes, empresas. Não custa nada e pode te ajudar a levantar seu faturamento.
Não desista. No começa pode ser difícil, mas as coisas vão dar certo e você vai conseguir muita renda extra.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Modelo de contrato de locação

Em quanto tempo posso pegar seguro desemprego novamente

Como fazer o Cartão Casas Bahia