Como diminuir os gastos no cartão de crédito

Em tempos difíceis,  é importante  reduzir os gastos desnecessários para  manter as finanças  pessoais em dia.
Uma das principais formas de perder o controle de suas contas com certeza  é não prestar atenção aos seus gastos com o cartão de crédito. 
Por oferecer a facilidade  de poder comprar sem ter dinheiro, muitas pessoas acabam se esquecendo que mais tarde a conta ira chegar  e muitas vezes superior ao que se pode ou estava planejando pagar.
Para evitar surpresas desagradáveis é sempre bom estar atento e prestar atenção em alguns detalhes.
cartão de crédito deve ficar em casa
E de preferencia longe das vistas. andar com o cartão de crédito na carteira te dá a falsa ilusão de que você pode comprar alguma coisa, e as vezes isso não é verdade. Quando o cartão fica em casa, você evita compras de impulso. Assim você tem chance de chega em casa e avaliar se realmente precisa comprar aquele objeto. Além disso ele deve ficar escondido fora do seu alcance imediato (uma gaveta pouco usada, caixa de documentos, etc) pois quando estamos na internet somos bombardeados quase o tempo todo por "ofertas imperdíveis" , mas sua chance de ceder a elas se ter que se levantar e procurar o cartão de crédito, será bem menor.






Não conte com o limite do cartão em sua renda.
Por mais alto que o limite do seu cartão seja, ele não existe realmente e se você utilizá-lo pode não ter o dinheiro em mãos para pagar a fatura. Não se acostume a fazer  despesas comuns no cartão, procure guarda-lo para "ocasiões especiais" ou  emergências.

Compre no cartão apenas bens duráveis
Despesas como gasolina, alimentação e lazer não devem ser feitas com o cartão de crédito. Se você realmente precisar utilizar o cartão, o faça em produtos que ainda vão estar lá quando a fatura chegar, e mesmo depois que esta seja paga, pois assim você sabe exatamente onde seu dinheiro foi gasto.




Não pague o minimo e evite parcelar
Pagar o minimo faz com que a divida apenas cresça, e muitas vezes torna impossível o pagamento das mesmas no futuro.
Parcelar as compras pode até ajudar  a diminuir as contas imediatas, mas cria um habito  bastante prejudicial. Quando não se pode pagar pro um produto  em uma unica parcela, a menos que seja alguma coisa realmente essencial e não exista outras opções, é melhor optar por um produto similar  mais acessível ou repensar se o produto desejado é realmente necessário.

Controle sua fatura.
É possível controlar as faturas de seu cartão de crédito através da internet, dessa forma, também é possível estabelecer um limite do que se pode gastar dentro do mês no cartão, se você precisar gastar no cartão pode  controlar seus gastos acompanhando a fatura, não permitindo que ultrapasse o limite estabelecido.

Pague a fatura em dia
Assim se evita de pagar os altos juros cobrados por atraso no cartão de crédito, também é bom evitar a todo custo usar o limite adicional pois existem encargos sobre excesso de limite.

Pesquise.
 Quando precisar comprar no cartão ou realmente quiser um produto, gaste algum tempo pesquisando em diversas lojas os preços de produtos desejados,  pode ser chato e desagradável ter de perder tempo e gastar sola de sapato ( se as compras forem pessoalmente e não na internet)  mas a diferença entre os preços pode compensar e muito  na hora da compra.

Desapegue de marcas.
Produtos  de marcas menos prestigiadas porém de boa qualidade e bom preço são uma ótima opção para quem precisa cortar gastos, da mesma forma que comprar  em lojas mais populares e fora de shopping, assim você paga o preço justo por um produto em vez de pagar pelo nome e localização da loja.