Cirurgia de redução do estomago pelo SUS

A cada dia cresce mais o numero de pessoas que sofrem de obesidade mórbida, tanto que a obesidade já é a doença deste século.
Algumas pessoas acreditam que a obesidade é uma questão de relaxo ou de falta de vontade própria mas muitas pessoas que sofrem deste problema  já tentaram de tudo, desde remédios até dietas loucas e nada funciona, a pessoa passa a sofrer não apenas por uma questão de  aparência mas também com problemas de saúde graves.
Algumas pessoas tem de recorrer a cirurgia de redução de estomago, uma cirurgia complicada e cara que não é assim tão acessível a todos, porém o SUS permite que pessoas que realmente precisam da cirurgia de redução de estomago façam a cirurgia sem nenhum custo, para garantir o bem estar e qualidade de vida  dos pacientes que precisam da cirurgia.
Para Conseguir o beneficio de fazer  a cirurgia de redução de estomago pelo SUS é necessário que o paciente atenda a alguns requisitos como :

  • Ter índice de massa corpórea igual ou superior a 40kg/m2, sem doenças ligadas ao sobrepeso como diabetes, colesterol alto, doenças cardíacas e que já tenham tentado outros métodos de emagrecimento sem conseguir resultados.
  • Ter índice de massa corpórea igual ou superior a 40kg/m2  com doenças ligadas ou agravadas pela obesidade que ameacem a vida.
  • Ter índice de massa corpórea entre 35kg/m2 e 39kg/m2 e ser portador de doenças cronicas que estão ligadas ou pioram por causa da obesidade.
  • Fazer um acompanhamento multidisciplinar de pelo menos 2 anos  sem prescrever a cirurgia.



Além disso o paciente ou candidato não pode ter doenças psiquiátricas que impeçam ou dificultem ao entendimento do paciente sobre os procedimentos e resultados da cirurgia.
Antes de fazer a cirurgia de redução de estomago pelo SUS, o candidato precisa passar  por acompanhamento medico e psicológico de dois anos antes de ser aprovado para a cirurgia.
Após a cirurgia o acompanhamento psicológico deve continuar para auxiliar o paciente a lidar melhor com as diversas mudanças que ocorreram no corpo e no estilo de vida do paciente.
A principio a perda de peso é muito rápida pois a capacidade  de absorção  de calorias cai de 2000 a 800 calorias diárias. O que pode gerar alguns efeitos desagradáveis  como, alguma queda de cabelo e unhas fracas no inicio do processo de emagrecimento que devem se normalizar em uns 4 meses, depois algumas pessoas precisaram realizar uma segunda cirurgia para retirar o excesso de peles que sobram.
Para conseguir fazer a cirurgia de redução de estomago gratuitamente pelo SUS é preciso procurar um médico que constate sua necessidade desse procedimento, então ele encaminhará seu caso  a fila de espera do SUS.
Tanto os médicos de convênios quanto de hospitais públicos podem encaminhar um paciente para a cirurgia de redução de estomago para o SUS, desde que esse preencha os requisitos, caso sua cidade não realize esse tipo de procedimento  é um direito  seu e dever do medico encaminhar seu caso a uma cidade próxima que faça a cirurgia de redução de estomago pelo SUS.